sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Festa de divórcio?


Eis que, ainda em meio a frustração pela comemoração dos 3 anos de casada que não seu certo me deparo na internet com uma matéria sobre garotas que fazem festa ao se divorciar.

Sei que isso não é novidade, mas apenas agora parei para prestar atenção. As festas são tipo festas mesmo. Muitas pessoas, DJ, decoração, bolo. Nessa matéria que vi, a menina usava um vestido de noiva, fez dia da noiva e distribuiu “bem separados” no final. Olho isso e só consigo sentir pena dela. Porque vamos ser sinceras? Eu não acredito em conto de fadas e sei que muitas vezes as pessoas são sacanas com as outras, e em um caso desses, um divórcio pode trazer um certo alívio.
Mas divórcio não é algo feliz. Não é algo para se comemorar. Não é motivo para festa. Ninguém casa querendo se divorciar, né?? Divórcio é triste, frustrante, por mais que traga alívio ou seja a melhor decisão a se tomar. 

Bolo partido com noivinhos? Bodas de papel rasgado? Isso tudo me parece negação sabe? Uma tentativa desesperada de acreditar que você está feliz com aquilo? Tipo eu, que tento acreditar que o fato de estar engordando não me incomoda, que o que realmente importa é ser legal... Ah, também acho que essa história de dar uma mega festa é muito para querer exibir ao ex que “está tudo bem”. Quando na verdade, duvido que está. 

Aliás, a loucura é tanta, que a menina da reportagem deu uma mega festa ao se separar, e um ano depois fez a mesma coisa, como o nome de “Bodas do papel rasgado”, uma alusão a bodas de papel comemorada com 1 ano de casamento. Jura mesmo que um ano depois ela ainda pensava nisso? Tadinha novamente. 

Ainda na reportagem, tem uma frase da garota, que a meu ver, mostra bem o desapego com o casamento. Diz ela: “o casamento hoje em dia realmente já não é como antigamente. Se o amor acaba, não faz sentido manter um casamento apenas por conveniência e superficialidade”. Concordo quase que em tudo com ela. Acho que um casamento ruim não deve ser mantido, mas acho que as pessoas se separam muito fácil hoje em dia. 

Conheço uma menina que brigou coma família inteira para ir morar com um cara bem mais velho. No primeiro perrengue financeiro que ele enfrentou, ela voltou para a casa da mãe. E agora quer que ele a aceite de volta....fala sério né? Casamento é, ao meu ver, e acima de tudo, companheirismo. Se ao menor sinal de problema, seu marido não puder contar com você, porque ele ficará casado com você? Aliás, se a primeira TPM mais escrota ele sair correndo, você vai querer ele de volta? Na boa, se o cara não está comigo nos maus momento, ele não está comigo. 

Ah, e isso pode ser meio conto de fadas, mas realmente acho que amor real não acaba. Ele pode até se transformar e deixar de ser um amor carnal. Mas acho que quando você realmente ama uma pessoa, de algum modo, vai amá-la para sempre.

Pensei em colocar aqui embaixo uma foto da festa de separação da menina, mas achei melhor colocar uma foto do meu casamento. Gosto de momento felizes de verdade! bjs


6 comentários:

Eliane M. on 26 de novembro de 2010 11:20 disse...

Tabata, concordo com você. Acho uma falta até de respeito com aqueles que foram seus convidados, que festejaram a união do casal, fazer festa no divórcio? Não dá né!
Claro que não somos inocentes, sabemos que as vezes a vida dá uma reviravolta e o divórcio pode vir a acontecer, mas casamnos para sempre, unimos nossas vidas diante de Deus e precisamos fazer tudo para que seja para sempre. Claro que, como vc disse, manter um casamento ruim não é legal, mas muitas vezes as pessoas já falam em divorcio por pequenas coisas como uma toalha fora do lugar ou uma tampa de sanitário aberta, não dá né, acredito que conversando sempre se entre num acordo.
Adorei colocar a sua foto, assim, fecha o post com momentos felizes.
Bj, ótimo final de semana.

Eliane
acasinhaencantada

♫Pri on 26 de novembro de 2010 13:58 disse...

Oi Tabata!
Olha a ilustração não poderia ser melhor: Um casal que realemnte se ama, simbolizando que amor verdadeiro existe sim.

Pois é tbm sinto pena dessas pessoas que fazem de tudo para mostrar o quanto estão bem e q na verdade ( na maioria dos casos) estão é na fossa.
Mas tudo bem, todos tem o direito de reagir da forma que quiserem, embora eu tbm não acredite que ela estava realmente bem, afinal 1 ANO depois ela ainda estava pensando no dito cujo de certa forma.

Bjos querida!!!!

Anônimo disse...

Frô, só agora vi meu blog e seu coments, mandei no e-mail tá, desculpe não ver antes.
Bjbj

Eliane M.
acasinhaencantada

Rita Santander on 28 de novembro de 2010 23:08 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rita Santander on 28 de novembro de 2010 23:10 disse...

Ficar felizinha e cheia de festinhas com um "descasamento" significa que a pessoa não estava preparada sequer para o CASAMENTO. Volta brincar de Barbie, porque a vida real vai derrubar esse tipo de gente!

Caroline on 21 de dezembro de 2010 13:20 disse...

Realmente não dá para comemorar divórcio. Adorei o q vc escreveu e a foto que colocou. =)
Beijos

 

Casarando Copyright © 2009 Flower Garden is Designed by Ipietoon for Tadpole's Notez Flower Image by Dapino